Luisa Sonza (Reprodução/Instagram)

Grande aliada da causa LGBTQIA+, a cantora Luisa Sonza foi uma das artistas que passaram pela 23ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, que aconteceu neste domingo (23), na Avenida Paulista.

Luisa, que sempre se posiciona quanto a assuntos políticos, principalmente quando diz respeito ao feminismo e LGBTs, criticou o presidente e agradeceu a comunidade pelo apoio que tem dado à sua carreira.

“Vocês apoiaram minha carreira e eu devo tudo a vocês. Tudo que eu puder fazer com a minha voz para nos ajudar, pois estamos juntos nessa, eu vou fazer. Viva o amor, caralho e ELE NÃO”, disse.


Quem também passou pela parada foi a ex-Spice Girl, Mel C. A cantora britânica subiu em um dos 19 trios elétricos da Parada LGBT+ de São Paulo, por volta das 14h40 deste domingo (23). A cantora falou sobre o momento:“Estou muito feliz de estar de volta a São Paulo, um lugar que sempre foi generoso comigo”.