Um adolescente de 17 anos foi morto a tiros de arma de fogo durante a 18ª edição da Parada do Orgulho LGBT de Juazeiro do Norte, no Cariri cearense, na noite deste domingo (28).

As primeiras informações dão conta que o jovem, identificado como Guilherme Carlos Vieira de Queiroz, foi morto com mais de 15 tiros. A polícia trabalha com a possibilidade do crime não ter sido causado por homofobia.

“Foi um desespero enorme, as pessoas correndo muito aqui em Juazeiro do Norte. Realmente um fato lamentável, muito tiro mesmo”, afirmou André Lacerda, organizador da Parada de Juazeiro do Norte, ao G1.


Até o momento não há maiores informações sobre a autoria ou a motivação do crime. No entanto, a Polícia Civil da cidade já abriu investigação sobre o caso, na tentativa de desvendar o crime.