Grindr
Grindr (Foto: Reprodução/Internet)

Nesta terça-feira (4), um tweet expondo um comentário racista, foi o assunto do dia na rede social Twitter. O usuário Jônatas (jhoownas) decidiu compartilhar com seus seguidores uma experiência racista que sofreu no aplicativo de encontros para o público gay, Grindr.

Jônatas, que é negro, foi abordado por um perfil que mandou inúmeras fotos sem ele pedir e ao não ser respondido no momento, o rapaz escreveu: “Grande coisa você”. Jônatas então questionou por que ele se interessou a ponto de enviar fotos e obteve a seguinte resposta: “Foi pra tirar onda, amado. Com essa barba que parece meus pentelhos. É bom você ter senso porque gata você não lê, é um cafuçu. E leia tudo”.

Jônatas, então, decidiu compartilhar a experiência racista sofrida em seu perfil no Twitter. O tweet já acumula mais de 13 mil curtidas. O seguidor Lucas Sanns comentou: “O que eu vejo nesse mundo gay na vdd são pessoas inseguras da sua própria auto estima que precisam insultar os outros pra sair por cima, guerra de ego em todos os meios, app, balada”. Com o tweet, outros usuários do Grindr aproveitaram o momento para compartilhar momentos de insultos que já receberam no aplicativo.