Transsexual sofre grave agressão na saída de bar em Taubaté; Vítima acusa homofobia

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um transexual foi agredido na saída de um bar em Taubaté, no final de semana. Nesse sentido, Adrian Mariano, de 18 anos, sofreu traumatismo de primeiro grau e lesões graves pelo corpo. O caso foi registrado como lesão corporal. Contudo, o caso será devidamente analisado e o agressor poderá responder por homofobia.

Dos fatos, no domingo (27), a vítima esperava um Uber com amigos, após sair de um bar. Nesse sentido, o agressor se aproximou e, sem dar chance para defesa, começou as agressões.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A ação foi flagrada por um morador de um prédio. Assim, após o ocorrido, os amigos de Adrian acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que levou a vítima para o Pronto-Socorro. Adrian teve traumatismo craniano de primeiro grau e a visão comprometida.

“Foi feito à princípio de injúria e lesão corporal. Se for verificado se houve algo relacionado a raça e gênero ele pode vir a responder por outros crimes também”, afirmou o delegado José Antônio Gonçalves ao G1.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio