Robinho
Robinho (Reprodução)

Neste sábado (17), o jogador Robinho se pronunciou para o UOL Esporte sobre as graves acusações o envolvendo, no caso do suposto estupro cometido em uma boate da Itália.

De acordo com o jogador, seu único erro foi ter traído sua esposa, na época. “Eu me arrependo de ter traído a minha esposa. Esse é meu arrependimento. Em relação às frases que saíram, fora de contexto e para vender jornal e revista… Obviamente que eu mudei muito de sete anos pra cá”, disse.

Robinho ainda explicou que a traição teria ocorrido em 2013, e que desde então, nunca mais cometeu outros deslizes. O jogador ainda afirmou que não cometeu nenhum crime e que seu único erro foi a infidelidade.


O jogador, que teve o contrato rescindido com o Santos por conta de seu processo na Itália, afirmou que a garota que o acusa se aproximou dele na boate, e os dois começaram a ter contato, com consentimento de ambos. Robinho garantiu que a relação foi algo normal entre um homem e uma mulher e que ele ficou somente por alguns minutos.