Produtora de pornô gay interrompe filmagens por conta do coronavírus

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A produtora de filmes pornôs gay Charged Media, acaba de anunciar a paralisação de suas filmagens, por conta da pandemia do coronavírus. O estúdio é um dos mais famosos do mundo.

“Nosso coração está com todos que são afetados pelo COVID-19. Embora desejemos poder continuar produzindo pornografia incrível para nossos fãs, a saúde e a segurança de nossos funcionários, bem como do país, são nossa prioridade”, disse o comunicado.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Apesar da paralisação, a produtora fez questão de tranquilizar seus assinantes, nos próximos dias novos conteúdos serão disponibilizados na galeria de imagens “para que os clientes ainda possam aproveitar toda a novidade que adoraram”.

Apesar da crise de saúde mundial, até o momento apenas a Charged Media foi a empresa de pornografia gay que se pronunciou sobre suas filmagens. As grandes empresas do mercado como MEN.com, Sean Cody e Lucas Entertainment, permanecem em silêncio.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio