Princesa Diana
Princesa Diana (Reprodução)

Com um nome conhecido e extremamente aclamado, princesa Diana popularizou-se no mundo inteiro e contagiou muita gente com seu carisma, doçura e força. Conhecida também como Lady Di, são inúmeras histórias que tentam contar um pouco sobre sua trajetória e seus mistérios.

O documentário veiculado pela Netflix, The Story of Diana, assegurou que Diana teve um papel fundamental para quebrar tabus sobre AIDS/HIV, considerada uma ‘doença gay‘, além de acolher grupos minoritários, sem distinção. 

“Em 1987, quando muitos acreditavam que a Aids poderia ser contraída através do toque, a Princesa Diana sentou-se numa cama onde deitava um aidético e segurou sua mão. Ela mostrou ao mundo que as pessoas com Aids não mereciam o isolamento, mas sim compaixão. Isso ajudou a mudar a opinião do mundo, ajudou as pessoas com Aids, e também ajudou a salvar as pessoas em risco”, afirmou em discurso Bill Clinton, ex-Presidente dos EUA, em 2001.


Aristocrata e inserida dentro de valores rígidos, Diana também foi emblemática para o movimento feminista. Ao se negar a proferir, no juramento de seu casamento, o termo “obedeço”, a princesa cravou, de certa forma, uma ruptura no tradicionalismo vigente.

Ao que tudo indica, Kristen Stewart interpretará a princesa Diana em cinebiografia.