Pré-candidata à presidência dos EUA denuncia morte de pessoas trans

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Pré-candidata à presidência dos Estados Unidos pelo Partido Democrata, a senadora Elizabeth Warren surpreendeu a todos nesta semana e protestou contra a violência sofrida por pessoas trans.

O momento inesperado da candidata aconteceu durante um debate político nesta terça-feira (14), na cidade de Des Moines, no estado de Iowa. Warren disse que é necessário se preocupar “como mulheres trans, particularmente as negras, que estão em risco”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“E ainda assim eu venho aqui hoje à noite com um coração cheio de esperança. E está cheio de esperança, porque vejo isso como o nosso momento na história, o momento em que ninguém fica à margem, o momento em que entendemos que cabe a nós decidir o futuro deste país, o momento em que construímos o movimento para fazer mudanças reais”, declarou.

Além de Warren, existe outro pré-candidato na disputa pela Casa Branca que tem chamado atenção, trata-se de Pete Buttigieg. Assumidamente gay, o candidato tem se destacado nas pesquisas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio