Obcecado por temas LGBT, Carlos Bolsonaro celebra rejeição de PL da Visibilidade Lésbica

Em relação aos votos - 22 votos contrários contra 19 favoráveis

Publicado em 23/09/2021 22:19
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Câmara do Rio mandou arquivar, nesta quinta-feira (23), o projeto que incluiria no calendário municipal o Dia da Visibilidade Lésbica. A proponente do projeto foi Marielle Franco, e o PL foi reapresentado no início deste ano por sua viúva, Monica Benicio (PSOL).

Em relação aos votos – 22 votos contrários contra 19 favoráveis. Em uma postagem no Twitter, o vereador Carlos Bolsonaro celebrou a decisão dos parlamentares e, em sua argumentação, o mesmo discurso de sempre –  “ferramenta política” para “aliciar crianças nas salas de aula”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Recentemente, em projeto apresentado na Câmara do Rio, o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos) tentou proibir que atletas trans participem de competições esportivas no município, caso na opção de identificação, o sujeito opte por uma designação diferente do nascimento.

29 de agosto, Dia da Visibilidade Lésbica, ocorreu o 1º SENALE (Seminário Nacional de Lésbicas), em 1996, que já conta com oito edições e hoje é o maior evento deliberativo de lésbicas e bissexuais do Brasil.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

G Store

MOLETOM PRIDE BRASIL

Comprar

SUNGA COLORS

Comprar

CAMISETA PRIDE HEART - LONG

Comprar

BONÉ PRIDE HEART

Comprar

MOCHILA PRIDE BRASIL

Comprar