Andrzej Duda presidente da Polônia (Reprodução)
Andrzej Duda presidente da Polônia (Reprodução)

Parlamentares na Polônia resolveram mostrar seus descontamentos após o presidente Andrzej Duda defender que a ‘ideologia LGBT’ é um perigo nacional. Nesse sentido, os manifestantes formaram um arco-íris e bradaram por direitos, nesta quinta-feira (6).

O ato emblemático ocorreu durante a cerimônia de posse do presidente eleito, Andrzej Duda, em Varsóvia e acabou se tornando notícia mundial. Segundo o presidente, pautas LGBT podem ser até mais perigosas do que a ‘doutrina comunista’.

“Não queremos uma situação semelhante durante o seu próximo mandato, como ocorreu durante sua campanha, quando o presidente desumanizou as pessoas LGBT negando-lhes o direito de serem pessoas”, disse Anna Maria Zukowska, uma das parlamentares.


Andrzej sempre causou polêmicas com pautas anti-LGBT. “Escolhemos entre futuro e passado. Entre a honestidade e os que querem expropriar o Estado. Entre a verdade e os que querem se basear na manipulação. Disso tratam estas eleições. E o mais importante: vocês decidem se teremos um presidente forte que olhará para as autoridades, ou um presidente que infelizmente nem sequer respeita sua assinatura”, disse Trzaskowski após o resultado favorável das eleições.