Casa Nem
Casa Nem (Foto: Reprodução)

Conforme já reportamos, o imóvel ocupado pelo grupo Casa Nem, em Copacabana, recebeu um mandado de reintegração de posse e os ocupantes, que vivem em vulnerabilidade social tiveram que deixar o local. O processo corre na 15ª Vara Cível da Comarca da Capital.

Nesse sentido, a Secretaria de Urbanismo recebeu o coordenador Especial da Diversidade Sexual, Nélio Georgini. O prédio na Rua Pinheiro de Machado, disponibilizado pelo SMU, em Laranjeiras, foi oferecido justamente para acolher este público que terão que desocupar o imóvel na Casa Nem.

“É uma satisfação poder contribuir com a causa LGBT e oferecer um espaço que traga dignidade aos moradores da Casa Nem”, disse a Secretária de Urbanismo Fernanda Tejada, que foi essencial para viabilizar este novo local.


 Em meio a uma crise socioeconômica no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus, precisamos garantir os direitos básicos para essas pessoas em situação de vulnerabilidade. A ordem precisa ser cumprida, mas não podemos largar essas pessoas nas ruas, é uma preocupação do poder público, da Igreja e da sociedade “, explica o coordenador Nélio Georgini.