Richard Branson leva bandeira do Orgulho LGBT ao espaço para homenagear as vítimas da boate Pulse

O dia catastrófico, na Pulse, ocorreu em 12 de junho de 2016

Publicado em 15/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O bilionário Richard Branson, com o intento de homenagear as vítimas da boate Pulse, o fundador do grupo Virgin, foi ao espaço por meio de um foguete de sua própria empresa e levou a bandeira do Orgulho com ele, conforme apontou a Gay Times.

Assim, em uma entrevista concedida ao The Mail explicou a sua decisão. “Alguém que perdeu um ente querido no massacre [de Pulse Orlando] perguntou se eu faria isso. Também temos muitos, muitos amigos gays e conheço pessoas que perderam amigos lá ”, explicou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ainda, sobre a viagem, o profissional de 70 anos destacou que ficou orgulhoso – “Sonhei com esse momento desde que era criança, mas, honestamente, nada pode prepará-lo para a visão da Terra do espaço”, disse ele em entrevista coletiva após o voo.

Ele dividiu as opiniões de internautas – “Bandeira no espaço para quê? Queremos apoio tangível, no solo, que é o lugar onde a justiça deve acontecer”, apontou um. “Por que ele e os outros trilionários cadetes espaciais não usam suas fortunas em questões lgbtq + aqui no solo, em vez desse gesto simbólico inútil?”, indagou outro. “Eu achei realmente incrível, ele pode ajudar a comunidade aqui, mas também celebrar como ele quiser”, enfatizou a seguidora.

As vidas perdidas no massacre de Orlando foram, nos últimos anos, homenageadas por milhares de pessoas que participaram de cultos e vigílias. O dia catastrófico ocorreu em 12 de junho de 2016, na boate LGBT chamada “Pulse“, que fica em Orlando, Flórida, Estados Unidos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

G Store

MOLETOM PRIDE BRASIL

Comprar

CADARÇOS PRIDE

Comprar

PRIDE UNDERWEAR - COLORS

Comprar

MACACÃO PRIDE SUMMER FLAMINGO

Comprar

SHORT PRIDE

Comprar