Para ter “casamento celestial”, homem gay se casa com mulher hétero

"Decidi essencialmente assim que percebi que era gay que seguiria a lei da castidade e não me envolveria em um relacionamento com um homem" disse

Publicado em 13/09/2021 13:08
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Morador do Arizona nos Estados Unidos e membro da igreja de Jesus Cristo dos Santos do Sétimo Dia, mais conhecida como igreja Mórmon, o jovem Nicholas Applegate de 23 anos havia se descoberto homossexual aos 12 anos. No entanto, ele tomou a decisão de que seguiria a lei da castidade e jamais teria relação com um homem, reprimindo sua sexualidade.

Em março de 2020, Nicholas reatou um antigo relacionamento de infância com Jordan Renae de 23. Após alguns meses do namoro, o rapaz decidiu contar a verdade para sua companheira. Ele conta que resolveu revelar sua orientação sexual a Jordan por querer ter certeza de que ela soubesse antes de levarem a relação para outro nível.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Ela estava definitivamente chocada e não esperava, mas eu queria ter certeza de que Jordan sabia da situação antes de irmos mais longe emocionalmente” disse Nicholas em entrevista dada ao Metro. “Depois que eu disse a ela, pedi a ela que fosse embora e processasse sozinha, em vez de na minha frente, então ela foi e conversou sobre isso com seus pais” continuou.

Então ela decidiu que estava tudo bem com isso, porque ela só queria alguém que se comprometesse com ela finalizou o jovem. Em agosto de 2020, Nicholas pediu Jordan em casamento e ela rapidamente aceitou o pedido. Hoje os dois são casados e afirmam viver uma vida feliz e que estão amando ser recém-casados, o casal também contou que estão à espera de seu primeiro filho.

Nicholas tomou a decisão de reprimir sua sexualidade devido a sua participação na igreja, que apesar de não considerar que ser uma pessoa gay seja pecado, acredita que deixar se levar pelo desejo e viver uma vida de acordo com isso seja a verdadeira violação das leis de Deus. “Decidi essencialmente assim que percebi que era gay que seguiria a lei da castidade e não me envolveria em um relacionamento com um homem” relatou o rapaz.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

G Store

MOLETOM PRIDE BRASIL

Comprar

SUNGA COLORS

Comprar

CAMISETA PRIDE HEART - LONG

Comprar

BONÉ PRIDE HEART

Comprar

MOCHILA PRIDE BRASIL

Comprar