Netflix é investigada pela Rússia por “propaganda gay” em série

A Rússia é um dos países que possui uma legislação rígida a respeito de propagandas e conteúdos de temática LGBTQIA+ e que oprimem as pessoas que fazem parte dessa população

Publicado em 26/11/2021 12:33
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Netflix está sendo investigada pelo país russo por violação da lei que proíbe a exibição de qualquer conteúdo que faça “propaganda gay”. O motivo da investigação seria devido ao fato de que o serviço de streaming transmite séries de temática LGBTQIA+ com classificação etária para menores de 18 anos.

Desde o ano de 2013, a Rússia possui uma lei que veta a propagação de “propaganda sobre relações sexuais não tradicionais” para pessoas que não chegaram à maioridade. Caso a investigação afirme que a empresa violou as leis, ela poderá arcar com uma multa de até 1 milhão de rublos, cerca de US$ 13,4 mil dólares, ou até mesmo a suspenção temporária de seus serviços.

De acordo com informações dadas pelo jornal Vedomosti, a comissária pública de proteção às famílias, Olga Baranets, fez uma reclamação ao Ministério do Interior, que em seguida iniciou as investigações a respeito do caso. Apesar de a Netflix não ter se pronunciado a respeito da situação, uma fonte próxima ao Vedomosti, informou que a empresa havia realizado uma verificação de seu catálogo de filmes e séries no início do mês, e não foram encontrados conteúdos com classificação para menores de 16 anos.

A Rússia é um dos países que possui uma legislação rígida a respeito de propagandas e conteúdos de temática LGBTQIA+ e que oprimem as pessoas que fazem parte dessa população. No ano de 2012, o governo de Moscou decretou a proibição das Paradas do Orgulho LGBT pelos próximos cem anos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

G Store

MOLETOM PRIDE BRASIL

Comprar

SUNGA COLORS

Comprar

CAMISETA PRIDE HEART - LONG

Comprar

BONÉ PRIDE HEART

Comprar

MOCHILA PRIDE BRASIL

Comprar