Grupo extremista ataca LGBTs durante Parada na Polônia

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uma Parada do Orgulho LGBT foi alvo de ataques de extremistas de direita na tarde deste sábado (20), na cidade de Bialystok, na Polônia. Está foi a primeira vez que um evento do tipo aconteceu na região.

Conforme informações da agência de notícias AFP, após a confusão cerca de 15 pessoas foram presas e ouvidas pela polícia, para prestar esclarecimento sobre os ataques LGBTfóbicos.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Através de vídeos publicados nas redes sociais durante o final de semana, é possível visualizar diversos homens gritando palavras de ordem, agredindo LGBTs e até queimando bandeiras do arco-íris.

A Parada, que contou com cerca de 800 pessoas pelas ruas de Bialystok, acontece logo após uma grande campanha contra a “ideologia LGBT”, se tornar destaque nas próximas legislativas no país. No mês passado a cidade de Varsóvia também fez uma manifestação para lutar pelos direitos LGBT+.

https://twitter.com/mysticeminence/status/1152642855183298560
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio