O personagem Capitão Planeta que revelou ser simpatizante da causa LGBT na Australia (FOTO: Facebook)
O personagem Capitão Planeta que revelou através da página do Facebook ser simpatizante da causa LGBT (FOTO: Facebook)

Ícone dos anos 90, o colorido personagem do desenho animado Capitão Planeta produzido pela Hanna-Barbera, saiu em defesa do casamento gay na Austrália.

O famoso super-herói que é mais conhecido por sua defesa do meio ambiente, conclamou os australianos a votarem “a favor do coração e não do ódio” se referindo a uma votação popular por correio que decidiria a legalização do casamento gay no país.


“Sem coração, não existiria o Capitão Planeta! Austrália, você só tem 14 dias pra se certificar de sua inscrição na votação pelo casamento entre pessoas do mesmo sexo. O PODER É SEU!” dizia a publicação da página oficial do personagem no Facebook.

Na página, o personagem também afirmou que “pessoas são uma parte importante do planeta e que cuidar um dos outros é uma das coisas mais importantes que podemos fazer para tornar este mundo melhor”.

Já um fã da página contrário às declarações do personagem escreveu: “Casamento entre pessoas do mesmo sexo é algo para pessoas com problemas mentais. Hospitais psiquiátricos deveriam ser o planeta delas. O capitão Planeta era o meu personagem favorito, não estrague isso!”.

VEJA TAMBÉM: As dez fases do sexo anal (contadas por desenhos animados)

O super-herói então respondeu: “Você deve estar assistindo a um outro desenho animado, lamento por ouvir você dizer isso. O poder é seu!” 

Um outro fã escreveu: “Com toda certeza Capitão Planeta, você foi o super-herói da minha infância! Eu sai do armário em fevereiro deste ano e mais do que nunca você continua sendo meu herói!”.

As cédulas com os votos que decidirão a posição da Austrália em relação ao casamento gay serão entregues em setembro e deverão ser devolvidas às autoridade no início do mês de novembro.

E nós aqui do Observatório G já temos nossa posição sobre esta votação…

VAI PLANETA!