Laerte Coutinho deixa a UTI e é transferida para continuar tratamento contra Covid-19

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta quinta-feira (28), a cartunista trans Laerte Coutinho, de 69 anos, foi transferida da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Instituto do Coração (InCor), em São Paulo, para um quarto de paciente, para dar continuidade ao tratamento da COVID-19, conforme divulgado pelo portal G1.

Segundo o InCor, a transferência se deve a melhora no estado clínico de Coutinho. Ela permanecerá em tratamento medicamentoso no quarto nos próximos dias, com o uso de “cateter de oxigênio e fisioterapia respiratória”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O quadrinista Rafael Coutinho, filho de Laerte, também usou as redes sociais para avisar os fãs sobre o estado de saúde da cartunista. “Escrevo aqui em nome da família, para atualizá-los sobre a atual condição de saúde dela. Como muitos já sabem, Laerte está internada com Covid desde o dia 21 de janeiro, no InCor. A condição piorou lentamente, e ela foi internada na UTI na noite passada. O estado ainda não é grave, mas requer cuidados mais rigorosos”, explicou o filho.

Na última sexta-feira (22), Coutinho havia informado que contraiu a doença, e tentou tranquilizar seus fãs com uma mensagem amenizadora. “Gentes queridas – peguei covid. Tou sob bons cuidados e a evolução está satisfatória. Fico grata pelas emanações e preocupações! Vocês, máscaras, mãos lavadas e o possível de isolamento …”, falou na ocasião.

Laerte é uma das artistas do segmento mais renomadas da cultura brasileira e do movimento LGBTQIA+. No currículo de seus trabalhos com quadrinhos, se destacam as obras “Piratas do Tietê” e “Overman”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio