Lady Gaga e Pabllo Vittar (Reprodução)
Lady Gaga e Pabllo Vittar (Reprodução)

O ilustrador Gibran Gomes lançou nesta quarta-feira (24), a segunda parte da animação que viralizou nas redes sociais, onde Lady Gaga aparece matando Jair Bolsonaro com “chá de cloroquina”.

No novo episódio, a história do assassinato de Bolsonaro é narrado por uma repórter, que entrevista apoiadores do presidente em meio a uma manifestação. O desenho conta até com a participação de Damares e Regina Duarte.

Cheio de referências ao cenário político nacional, o vídeo é finalizado com a chegada de Pabllo Vittar, que surge feito uma deusa. Ao som de Chromatica II, o segredo da morte do presidente é revela.


Durante o vídeo Gibran também brinca com a repercussão que se vídeo anterior teve nas redes sociais, quando foi alvo de fake news por apoiadores do presidente. A cantora Lady Gaga acabou sendo altamente criticada.