Ikaro Kadoshi celebra ser 1ª drag queen a apresentar o Miss Universo

A transmissão do Miss Universo 2020 será feita pela TNT ao vivo e com exclusividade, a partir das 21h

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Popular e com intento de reverenciar a beleza e o deslumbre, a transmissão do Miss Universo 2020 será feita pela TNT ao vivo e com exclusividade, a partir das 21h, no dia 16 de maio. A tradução simultânea ficará a cargo de Robert Greathouse e comentários especiais de Íkaro Kadoshi.

Nesse sentido, por meio do Instagram, a drag celebrou a conquista. Que EMOÇÃO! Eu ainda não acredito!
Pela primeira vez na história uma DRAG QUEEN vai APRESENTAR o MISS UNIVERSO na Televisão!
Eu tô explodindo de felicidade!!
Espalhe a notícia!!
Espero vocês dia 16 de maio, domingo, as 21 horas , ao vivo na TNT!! @tntbr ❤️
Vivas!!!
, disse.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os comentários foram positivos. “Melhor notícia dos últimos tempos ❤️ arrase meu amor“, escreveu uma fã. “Kralhoooooo ….. parabéns Ikaro …. muito feliz por vc , uma grande vitória pra todos nós“, disse outra. “Um avanço conquistado através do reconhecimento do seu trabalho dedicação e talento resultando nesse presente“, pontuou o fã.

 Em entrevista exclusiva ao Observatório G, Kadoshi já discorreu sobre o seu trabalho e a atração Drag me as a Queen:Todas as drag queens devem ser reconhecidas. Se nós tivéssemos a educação histórica de formação do mundo, desde o teatro na Grécia, passando pela sociologia e psicologia, iríamos todos entender o tamanho do significado que uma drag queen exerce no contexto social vigente no planeta Terra hoje. A drag queen quebra todos os paradigmas possíveis existentes e se torna uma ferramenta de questionamento de até que ponto eu observo a pessoa pelo gênero ou se a observo como ser humano…“, disse.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio