Sexo com o ex
Casal Gay - FOTO: GIOVANNI DALLORTO/WIKIMEDIA COMMONS

Na última semana, a revista médica JAIDS, da Austrália, anunciou os resultados de um estudo sobre os hábitos sexuais de gays e bissexuais durante a pandemia de coronavírus. De acordo com a amostra, homens gays estão evitando ter relações sexuais durante este período.

O pesquisador chefe, Dr. Mohamed Hammoud, falou à QNews sobre a diminuição de relação sexual entre parceiros gays durante a pandemia do COVID-19, relatando que os encontros chegaram a diminuir em 84% durante este período. “Os resultados de nosso estudo mostram que uma esmagadora maioria de homens gays e bissexuais adaptaram seu comportamento e está seguindo as diretrizes de distanciamento físico”.

Garrett Prestage, um dos co-autores do estudo, explica que é aguardada uma grande redução no diagnóstico de HIV e IST por conta do momento que o mundo atravessa. “É provável que as tendências nesses diagnósticos aconteçam significativamente em resposta a mudanças nas restrições físicas de distanciamento”, afirmou.


O estudo ainda investigará como a pandemia do coronavírus afetou o emocional na população masculina gay.