Gabriel Veronese dá dicas para viajar com segurança e evitar a covid-19

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Com muitos países estendendo suas proibições de voos vindos do Brasil e para o Brasil, muitas famílias que já haviam planejado tirar férias neste período do ano no exterior tiveram de refazer os seus planos e encontrar alternativas de destinos turísticos nacionais. No entanto, sempre fica a dúvida se é possível aproveitar o período de férias em segurança.

Por isso, o turismólogo com MBA em Ciências do Consumo Aplicadas, Gabriel Veronese, aponta que viajar de férias é possível, mas é preciso tomar cuidado e ter equilíbrio. “É possível viajar dentro do Brasil, que oferece sim destinos turísticos incríveis, mesmo durante a pandemia, contanto que se mantenha o bom senso e se obedeça às regras.”

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Cuidados a ter para as férias

Veronese aponta a informação como principal aliado do turista neste momento. “Hoje, com a internet, não temos desculpa para não nos informarmos, nem realizarmos uma pesquisa extensa antes de tomar qualquer decisão. Lembre-se de sempre se perguntar: essa viagem implicará riscos para mim ou para outras pessoas? Quão alto é esse risco? Se não se sentir seguro, é melhor adiar as férias para outro momento.”

O especialista também recomenda que o turista busque alojamentos que estejam tomando boas medidas de segurança. Descubra atividades disponíveis no local que permitam experiências seguras e planeje as suas refeições, seja para cozinhar no alojamento ou encontrar restaurantes próximos que adotem todas as medidas de segurança”, ressalta o turismólogo.

Prefira viagens de carro

Embora os aeroportos estejam tomando todas as medidas de segurança cabíveis, Gabriel Veronese acredita que a melhor solução é viajar de carro com a família. “Assim, você não só evita os perigos de contaminação em aeroportos e aviões, como também facilita o retorno à sua cidade, caso seja necessário. Se pretende viajar de ônibus ou trem, saiba que os cuidados precisam ser maiores. O risco de transmissão do vírus nesse tipo de transporte é mais alto do que em aviões.”

Alojamentos seguros

Gabriel Veronese acredita que aluguéis de casas e alojamentos distantes dos grandes centros urbanos possam ser opções mais seguras neste momento. “Optar por reservar uma casa permite evitar o contato com outros hóspedes, com funcionários da acomodação e vizinhos do edifício. Isso pode ser feito em sites como o AirBnb, ou mesmo o Trivago e o Booking, que também contam com alojamentos privados. Mais uma vez, confira se as medidas de segurança estão sendo tomadas pelo proprietário.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio