Erick Witzel (Reprodução/Instagram)
Erick Witzel (Reprodução/Instagram)

Erick Witzel, filho do governador do Rio de Janeiro Wilson Witzel, usou seu perfil do Instagram nesta terça-feira (26), para se pronunciar sobre a operação policial contra sua família.

Após uma série de publicações onde questiona o tratamento do governo atual do Brasil com os jornalistas, o jovem afirmou que estava tranquilo quanto a investigação na casa de seus pais.

“Podem entrar nas nossas casas, podem procurar, podem interferir, gritar, esculhambar. Consciência tranquila. Podem futucar bastante e depois quebrem a cara”, escreveu Erick.


O caso citado por Erick diz respeito a Operação Placebo, na qual investiga desvios na Saúde do Rio de Janeiro para ações na pandemia de coronavírus. Foram instaurados 12 mandados de busca e apreensão.

Um dos mandatos foi para Palácio Laranjeiras, residência oficial do governador Wilson Witzel (PSC), e outro na casa dele no Grajaú. A esposa de Witzel também tem sido alvo da investigação.

Erick é transexual e, desde o último ano, tem se mostrado bastante envolvido no universo da política. Atualmente ele faz parte da Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual, onde atua como assessor de empregabilidade.

Erick Witzel (Reprodução/Instagram)