Saiba os famosos que tem filhos LGBTs; Confira a lista

De Gretchen à Cher, confira os famosos que tem filhos LGBTs

Publicado em 15/10/2021 23:21
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta semana, o portal Observatório G irá relembrar os famosos nacionais e internacionais que tem filhos LGBTs. Os artistas contam sobre o processo de descoberta e como o amor foi o grande passo da aceitação dos filhos. Confira a lista.

Marcelo Tas e Luc

O apresentador Marcelo Tas, de 61 anos, falou em 2019 sobre a transexualidade de seu filho Luc, de 27 anos. Em entrevista à revista Crescer, o ex-líder do ‘CQC’ falou que que as preferências do filho nunca afetaram a relação pai e filho e que o jovem nunca se sentiu desamparado dentro de casa.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“As questões de sexualidade e gênero são importantes. Mas não são mais importantes do que o amor incondicional que devemos manter na nossa família. Este sim é o assunto mais importante da nossa vida”, frisou Tas.

Marcelo Tas e seu filho Luc (Foto: Reprodução)

Popó e Juan

O ex-campeão de boxe, Popó, falou sobre a sua relação com o seu filho Juan, de 21 anos, durante entrevista para o podcast No Flow. O ex-pugilista contou que o estudante de medicina é o seu orgulho, e que os dois já saíram juntos para locais frequentados por LGBTs.

É a minha bichona. E, antes que venham me criticar, essa é a maneira carinhosa que eu chamo ele. É uma coisa que eu sempre falo, uma coisa minha e dele, a gente se zoa assim. Juan é inteligente demais, está cursando o quinto período de Medicina. Ele já me levou para boate gay, e outro dia brigou com o namorado e veio conversar comigo. Tenho muito orgulho do meu filho: médico, bonito e gay”, falou o ex-atleta.

Popó e seu filho Juan (Foto: Reprodução

Solimões e Gabeu

Percursor do queernejo, novo estilo musical no país, Gabeu é filho de ninguém mais, ninguém menos, que o sertanejo Solimões (dupla com Rio Negro). Em entrevista ao Luciana By Night, da Rede TV!, Gabeu falou ainda que assumiu sua homossexualidade para a família aos 16 anos, e disse que o pai teve uma recepção tranquila quanto a sua orientação.

“Foi engraçado de certa forma porque meu pai começou a fazer perguntas para mim: ‘Você tem namorado?’, ‘você gosta de se vestir de mulher?’, ‘qual a diferença entre gay e homossexual?’… e aí parece que eu comecei a dar uma aula para ele. O que eu admiro no meu pai é que muitos tratam o assunto como tabu e nem falam sobre o assunto, mas o meu chega para mim e pergunta as coisas descaradamente”, contou.

Solimões e seu filho Gabeu (Foto: Reprodução)

Elizângela e Marcelle

No início deste ano, a atriz Elizângela surpreendeu os seus seguidores ao celebrar nas redes sociais os dez anos de casamento de sua filha, a bailarina Marcelle Sampaio, de 45 anos, com a terapeuta paraibana, Micheline Torres. “Parabéns minhas meninas Marcelle Sampaio e Micheline Torres pelo 10 anos de muito amor! Que essa união seja sempre abençoada por Deus“, desejou Elizângela, celebrando a união da filha com Micheline.

Em 2015, Elizângela já havia falado em entrevista ao Extra sobre a homossexualidade da herdeira. “Soube que a minha filha é gay há muitos anos. É claro que a gente se surpreende, mas nada que seja um bicho de sete cabeças, afinal de contas, a gente vem para cá para ser feliz, não é?”, declarou a famosa.

Elizângela, filha e nora. (Reprodução: Instagram)

Mateus Carrieri e Nico

O ator Mateus Carrieri, de 54 anos, revelou em entrevista ao programa ‘Sensacional’, da RedeTV!, que seu filho caçula, antes chamado de Anna Francesca, de 13 anos, se reconhecia como um homem trans. O ator também explicou que vem chamando o filho de Nico e que os dois conversam sobre aceitação.

Eu perguntei um dia: ‘Filha, você se olha no espelho e se gosta?’ Ela respondeu: ‘Não, pai, não gosto do que eu vejo’. E está tudo bem, só que nada vai acontecer agora”, explicou ele sobre o caso de Anna Francesca, que agora é chamado carinhosamente de Nico, apelido de Domenico. “Estamos trabalhando isso em casa, fazendo terapia e vamos nos entendendo. A sexualidade é uma coisa, mas você não aceitar o corpo que tem é um outro passo e eu ainda não sei lidar com isso. Só sei que vou lidar com muito amor e não com imposição ou violência”, disse Carrieri.

Mateus Carrieri e Nico (Foto: Reprodução)

Gretchen e Thammy

No livro “Thammy: Nadando Contra A Corrente”, lançado em 2015, o filho mais velho de Gretchen, Thammy Miranda, revelou que a rainha do rebolado acabou tendo uma reação violenta ao descobrir a sua orientação sexual quando ainda era adolescente. De acordo com um trecho divulgado pelo jornal Extra, Gretchen teria dito que “Preferia ter uma filha morta do que uma filha sapatão”.

Entretanto com o passar dos anos, Gretchen foi aprendendo sobre a aceitação de ter um filho transexual e se tornou uma das maiores defensoras da causa no Brasil. “Ele é a pessoa mais importante da nossa família. Sou muito orgulhosa de ter um filho incrível como ele. Não sabia que daria à luz a um homem tão perfeito e maravilhoso. Thammy é tão completo que consegue ser homem com sentimento feminino, o que todas nós queremos. Queremos um homem que seja carinhoso, que saiba o que a mulher quer na cama e entenda o que pensamos”, elogiou Gretchen.

Gretchen e Thammy Miranda (Foto: Reprodução)

Cher e Chaz

A cantora Cher, de 75 anos, falou em entrevista ao portal Pride Source, sobre a dificuldade de aceitar no início, a orientação de Chaz Bono, seu filho transexual. Para a intérprete de ‘Believe’, a mudança de seu filho acabou despertando grandes reflexões em sua vida.

“Nenhuma das vezes foi fácil. E acho que o medo de perder minha criança [Chaz] falou mais alto da segunda vez. Eu pensei ‘quem será essa nova pessoa?’. Eu sabia quem ele era naquele momento e pensei que estaria perdendo meu filho se ele se tornasse outra pessoa”, afirmou.

Entretanto, a cantora afirmou que teve um ‘estalo’ que a fez mudar de ideia e apoiar incondicionalmente a decisão de Chaz. “Se eu acordasse amanhã no corpo de um homem, ia querer arrancar meus olhos. Então entendi que, se é uma sensação tão dolorosa, não importa o que os outros pensem”, explicou ela, que se tornou uma das maiores defensoras da causa entre as estrelas.

Cher e seu filho Chaz (Foto: Divulgação)
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

G Store

MOLETOM PRIDE BRASIL

Comprar

SUNGA COLORS

Comprar

CAMISETA PRIDE HEART - LONG

Comprar

BONÉ PRIDE HEART

Comprar

MOCHILA PRIDE BRASIL

Comprar