Douglas Souza, do vôlei, revela ter sofrido homofobia em aeroporto na Europa

O atleta abriu o jogo no Instagram

Publicado em 08/09/2021 17:50
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nessa quarta-feira (08), Douglas Souza usou os stories do Instagram para desabafar sobre uma situação bem chata que aponta ter vivenciado ao lado do namorado Gabriel, enquanto tentava embarcar para a Itália, em um aeroporto na Europa. Segundo ele, ambos sofreram homofobia.

Foi uma situação estranha, difícil, a gente se sente fragilizado. Se a gente se exaltasse com a polícia, a gente poderia ter mais problemas. Acabou que passei 15 horas no aeroporto, e era para ter sido umas três, no máximo. Não achei normal. Eu sei o que eu vivi. Foi muito constrangedor”, disse o atleta.

Na sequência, ele destacou que a viagem durou mais horas do que o previsto e explicou como tudo aconteceu: “No controle de passaporte perguntaram o que eu faria na Itália, eu disse que seria jogador de vôlei e o Gabriel era meu namorado. Logo, a fisionomia dele mudou na hora e o tratamento também. Ele perguntou o que ele faria lá, eu mostrei o documento de união estável, eu disse que ele iria me acompanhar e trabalhar”, começou.

Ao concluir, Douglas comentou sobre ter sido chamado para uma salinha de conversa; “Depois de 5, 6 horas me chamaram para uma entrevista em uma salinha para saber o que eu iria fazer lá. Aí bateram na tecla do Gabriel, e eu falava que era meu namorado, e eles não entendiam esse tempo, insistiam no companheiro e não queriam deixar ele passar de jeito nenhum. Aconteceu, passou, meu clube não tem nada a ver. Eles ajudaram, meu empresário, também. Eu espero que ninguém passe por isso, sei que infelizmente vai passar e a gente tem que passar por isso”, desabafou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

G Store

MOLETOM PRIDE BRASIL

Comprar

SUNGA COLORS

Comprar

CAMISETA PRIDE HEART - LONG

Comprar

BONÉ PRIDE HEART

Comprar

MOCHILA PRIDE BRASIL

Comprar