RuPaul diz que ser drag queen deixou de ser divertido depois da fama

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Dando continuidade à sua maratona de divulgação da nova temporada de RuPaul’s Drag Race e sua série da Netflix, “AJ and the Queen”, a drag queen RuPaul esteve presente no talk show de Seth Meyers na última quarta-feira (12). Dentre os assuntos da entrevista estavam o seu início na drag music e o estrelato que já lhe rendeu até mesmo prêmios Emmy.

“Depois da fama, a diversão acabou pra mim, honestamente”, disse RuPaul sobre o momento em que ser drag queen virou de fato um trabalho. E explicou: “Eu não conseguia mais aterrorizar meus vizinhos ao sair na rua porque me tornei uma figura conhecida”, completou para Seth Meyers.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Questionado sobre como criou sua persona drag, RuPaul revelou: “Sempre fui ambicioso. Então sabia que queria chegar longe e pra isso tinha que ter uma imagem mais polida e calculada”.

“Misturei um pouco de Dolly Parton, duas doses de Cher, uma de David Bowie e um tanto ainda de Diana Ross. Então ainda tirei a parte mais sexual pra que minha persona fosse bem recebida na sala de estar. E parece que funcionou!”, explicou Ru.

Assista à participação de RuPaul Charles no Late Night with Seth Meyers:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio