A cantora Pabllo Vittar foi uma das personalidades que estiveram no Rock in Rio neste domingo (29). De passagem pelo festival, a drag queen, que já esteve no Palco Mundo, fez questão de se manifestar contra artistas que defendem a comunidade LGBT+ apenas por mídia.

Conforme Pabllo, o festival é uma ótima oportunidade para dar visibilidade para a causa LGBTQ+, no entanto, não adianta levantar a bandeira, se depois não vai se posicionar em momentos importantes.

“Em todos os festivais que a gente tem no Brasil, vemos as gatinhas LGBTQ sempre muito fortes levando nossa bandeira. O que me deixa triste é muitas vezes a falta de respeito e de coerência”, comentou a cantora em uma entrevista para o jornal Extra.


“Não adianta levantar a bandeira colorida em festival e depois não defender a existência dos LGBTs. Acho legal ter festas como esta para gente vir e se divertir”, disse a dona do hit Flash Pose.

Em outro momento, a artista ainda relatou como lida com os comentários negativos que acaba recebendo em suas redes sociais. “Sofro muito. Quer dizer, sofro não porque não estou nem aí, na verdade. Isso não me afeta porque tenho tanto carinho, tanto amor”, disse.