Chico Chico
Chico Chico, o Chicão, filho de Cássia Eller (FOTO: Reprodução/YouTube)

Cobrado constantemente para levantar a bandeira da comunidade LGBT, o filho da cantora Cássia Eller, Chicão, disse que este não é seu local de fala. A declaração foi dada durante uma entrevista ao canal do Youtube, Papel de Música.

“Não é o meu papel, enquanto homem branco da Zona Sul do Rio de Janeiro, heterossexual, carregar a bandeira LGBT. Não faria sentido isso. Sou fruto de um casal LGBT que elas, sim, sem levantar bandeiras, e por opção pessoal delas mesmas, representam uma coisa gigante que eu me orgulho muito. Quer dizer que a gente é uma família, que esse amor existe”, afirmou Chicão.

E continuou: “Não tenho pretensão de carregar bandeira, até porque não faria sentido. Sou uma pessoa pra dar apoio, e apoio toda a forma de luta nesse sentido”, disse o artista, que hoje está com 25 anos. .


Em outro momento do vídeo, o artista, que hoje atende pelo nome de Chico Chico, relatou da importância de Cássia para sua formação musical. Segundo ele, Beatles tocava na sua casa desde quando ele era muito novo.

“Minha mãe foi a primeira pessoa que colocou Beatles para tocar na vitrola lá de casa. Eu lembro que eu pirei, achei muito legal. Depois, eu com 10, 11 anos, comecei a ficar viciado, fui baixando, escutando. Marcou muito o início da minha adolescência e até depois, pois eu sempre escutei muito, até hoje eu escuto. Vou bem a fase de eu descobrir a música. Aprendi a falar em inglês por causa de Beatles, vendo tradução”.