Especialista no direcionamento de famílias, Fernando Grupo Casoto explica os melhores tratamento de alcoolismo no Brasil

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em uma conversa com nossa redação, Fernando Grupo Casoto, explicou os
desafios que diversas pessoas têm encontrado para buscar o melhor tratamento de
alcoolismo no Brasil.

Ele contou que, no Brasil e no mundo, as estatísticas são extremamente
preocupantes em relação à prevalência de consumo de bebidas alcoólicas entre
adolescentes e jovens. Uma pesquisa divulgada pela Revista de Saúde Pública destacou que 75% dos entrevistados com idade entre 14 e 17 anos afirmaram já ter consumido álcool. Em termos globais, alguns dados recentemente publicados pela OPAS alertam para uma realidade também preocupante. Observe:

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

● 2,3 bilhões de pessoas no mundo consomem álcool regularmente;
● 27% de todos os jovens entre 15 e 19 anos ingerem algum tipo de bebida
alcoólica;
● o uso nocivo das bebidas alcoólicas contribui para mais de 5% da carga
global de doenças e matou mais de 3 milhões de pessoas apenas em 2016;
● o consumo médio diário de álcool puro é cerca de 33 gramas, o equivalente a
300 ml de vinho, 750 ml de cerveja ou 80 ml de bebidas destiladas;
● entre meninos e meninas, pesquisas escolares mostram que o consumo de
álcool começa antes dos 15 anos;
● em todo o planeta, 45% do total da produção de álcool é para fazer bebidas
alcoólicas;
● no mundo, estima-se que 237 milhões de homens e 46 milhões de mulheres
sejam vítimas de transtornos relacionados ao alcoolismo;
● dos óbitos atribuíveis ao álcool, 28% estão relacionados a acidentes de
trânsito e violência interpessoal; 21% aos distúrbios digestivos e 19% a
doenças do coração.

Em suas opções clínicas de recuperação no Brasil e exterior a investigação
diagnóstica de um paciente com dependência alcoólica é feita por meio de uma
análise comportamental dos últimos três meses. São consideradas algumas
questões, como a dificuldade para conter o desejo incontrolável de consumir bebida
alcoólica e os impactos sobre a vida social e profissional.

Durante essa avaliação individual, o médico ou o psicólogo precisa verificar
aspectos que definem se há dependência alcoólica ou somente o uso nocivo dessa
substância.

Fernando Grupo Casoto ressalta que tais observações são fundamentais à
identificação do nível de gravidade do problema para adotar as condutas mais
adequadas.

Tratamento Psicoterapêutico

É realizado por uma equipe multidisciplinar de saúde composta por médicos
clínicos, psiquiatras, psicólogos, terapeutas ocupacionais, assistentes sociais e
outros. O objetivo é auxiliar o paciente na recuperação da estabilidade mental para
vencer o alcoolismo.

Medicamentos

Os medicamentos podem ser complementares às demais terapias e ajudam na
desintoxicação do organismo. Por isso Fernando finaliza dizendo que o diagnóstico
correto é determinante para a avaliação da necessidade ou não de remédios.

Fernando Grupo Casoto – Instagram

Facebook

https://www.grupocasoto.com.br/

https://api.whatsapp.com/send?phone=5511947976909&text=Necessito+de+atendimento+site%3A+https%3A%2F%2Fwww.grupocasoto.com.br/imprensa24h

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio