Documentário cearense aborda experiências religiosas de LGBTs

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

As Cores do Divino” é um filme composto por relatos de pessoas LGBT+ sobre religião, fé e espiritualidade. A obra é o primeiro longa dirigido por Victor Costa Lopes e produzido pela Orla Filmes, produtora audiovisual cearense e distribuído pela Embaúba Filmes, a ser lançado no dia 28 de junho – Dia Internacional do orgulho LGBT+ somente online.

“As Cores do Divino” é um filme de entrevistas, tendo como inspiração algumas obras de Eduardo Coutinho, como “Santo Forte” (1999) e “As Canções” (2011). O filme é composto por 9 conversas com pessoas LGBT+ de diferentes idades e realidades sócio-culturais, unidas por um traço em comum: todas elas já fizeram parte (ou ainda fazem) de alguma instituição religiosa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

As conversas presentes no filme relatam como cada uma dessas pessoas lida com sua fé e espiritualidade, além de discutir a relação entre religião e sexualidade. Todos os participantes são cearenses. O projeto é fruto do Edital Cultura LGBT 2016, da Secretaria de Cultura do Estado do Ceará.

Com duas semanas de acesso gratuito, o filme será lançado online no dia 28 de junho, no site da distribuidora Embaúba Filmes: embaubafilmes.com.br. O filme ficará disponível, com acesso gratuito, por duas semanas. A partir do dia 13 de julho, seguirá disponível para locação, no site da Embaúba e em outras plataformas de VOD.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio