Destaque Famosos Notícias

Diego Hypolito (Foto: Reprodução/Instagram)

Diego Hypólito diz estar com medo de LGBTs em suposto áudio: “quase apanhei”

Em um suposto áudio que circula pelas redes sociais, o ginasta Diego Hypólito afirmou que tem sofrido bastante após ter aparecido ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e da primeira-dama Michelle Bolsonaro.

Durante o áudio que conta com mais ou menos um minuto, o esportista relata sobre os momentos de tensão pelo qual passou na última semana, quando foi hostilizado enquanto curtia uma balada. Segundo Diego, ele quase apanhou.

“As pessoas têm que entender, porque eu brigo pelo esporte, não é que eu esteja apoiando ou deixando de apoiar alguém. Eu sou uma pessoa de caráter incontestável e eu não vou ceder às pessoas porque elas estão me ameaçando. Muito pelo contrário, vou contratar um segurança”, declara Diego no áudio.

O namorado de Marcus Duarte ainda afirma que chegou a tomar muitos remédios, para superar o caso. “Eu não vou ceder. Eu to bem triste, eu juro que mexeu muito comigo. Me entupi de remédio, para passar por esta situação. Que foi uma situação que eu nunca tinha passado, nem quando eu caí nas olimpíadas, que eu levei um tapa na cara de uma pessoa que eu não conhecia, foi desse jeito”.

E acrescentou: “Dessa vez eu quase apanhei de uma multidão. Realmente, eu desejo amor a todas as pessoas, mas eu tenho que cuidar também da minha vida, porque uma pessoa dessas pode me matar”.

Conteúdo patrocinado