Confira os artistas LGBTQIA+ que são destaques no cenário musical da atualidade

Lil Nas X, Gabeu, Urias e Ana Vilela fazem parte da nova geração LGBTQIA+ que se destaca na música

Publicado em 10/09/2021 09:11
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A comunidade LGBTQIA+ ganha destaque, cada vez mais, em todos os espaços do entretenimento, seja no cinema, no teatro, no TV e na música. Por isso, o Observatório G elaborou uma lista especial falando destes jovens talentos que trazem visibilidade para a comunidade, através do talento e arte no mundo musical. Guardem bem esses nomes!

GABEU

Cantor Gabeu (FOTO: Reprodução)

Um dos nomes mais famosos do queernejo do Brasil, Gabeu, de 22 anos, é filho do cantor Solimões e mostra que é possível cantar sertanejo sendo gay em um gênero onde o machismo e a homofobia são tão enraizados.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Sempre me senti muito deslocado no meio sertanejo, apesar dele fazer parte da minha história. Tinha a questão de visão de mundo. Mesmo gostando muito da musicalidade, me sentia deslocado. Na minha descoberta artística surgiu essa ideia de fazer o queernejo. Pensei: ‘É uma caminho arriscado e que talvez nem dê certo, mas acho que vai ser verdadeiro e fazer sentido para mim’. Uni coisas muito fortes para mim, o fato de ser gay e caipira”, contou o artista em entrevista à Quem, sobre a sua descoberta artística.

Filho de um dos maiores astros do sertanejo, Gabeu já revelou que sempre recebeu apoio do pai e que sempre é encorajado em sua carreira na indústria musical pelo patriarca. Gay assumido desde os 16 anos, o jovem artista conta que não teve dificuldades para sair do armário, e que ser filho de Solimões, abriu portas no meio. Neste ano, Gabeu lançou seu primeiro álbum de estúdio ‘Agropoc’, que conta com o single ‘Amor Rural’.

URIAS

Urias (Foto: Reprodução/ João Arrais)

Fiel escudeira de Pabllo Vittar, a cantora transexual Urias, de 27 anos, lutou muito para conseguir chegar onde está. Fashion icon, a estrela que iniciou sua carreira interpretando canções de O Rappa e Alcance, conta que já se viu sendo a única mulher trans nos espaços que ocupava.

“Muitas vezes, nas duas áreas [moda e música], eu era a única. No começo era animador estar ali, mas depois você entende que é uma vaga a se preencher. Como se tivesse que ter um número limitado de pessoas como eu nos lugares, ou seja, se eu já estiver ali não estará outra, se tem outra não estarei eu”, contou ela, em entrevista a Universa.

Nascida e criada em Uberlândia, Urias deixou a cidade para viver sua arte em São Paulo e tem em Pabllo Vittar, Liniker e Linn Da Quebrada suas inspirações. Atualmente, a estrela se prepara para o lançamento da continuação de seu primeiro álbum, “Fúria”, que teve a primeira parte divulgada em maio, e tem os mesmos produtores que assinam trabalhos de IZA, Anitta e Pabllo Vittar.

ANA VILELA

Ana Vilela (Foto: Reprodução)

Dona do smash hit brasileiro “Trem-Bala”, Ana Vilela, de 23 anos, conta que o sucesso da canção transformou a sua vida para sempre. Durante entrevista ao Pheeno, a jovem estrela conta que teve receio de assumir a sua orientação sexual para a sua família por ter sido criada na igreja, mas que as coisas foram se acertando com o tempo.

Sobre o sucesso da sua música, Vilela relata que tudo aconteceu por um acaso, após mandar a música para uma amiga ouvir. “O padrão de vida que tinha na época não permitia que eu falasse ‘vou investir na minha carreira musical’. Então guardava tudo para mim. Foi assim com ‘Trem bala’, que eu mandei para uma amiga. A música aconteceu sem eu ter noção do que estava acontecendo. Em algum momento saiu do controle, e as pessoas queriam saber quem era”, diz ela.

Recentemente, Ana Vilela usou suas redes sociais para desabafar sobre os ataques gratuitos dos haters sobre “Trem-Bala”, afirmando o quão difícil é ter que ler na web comentários menosprezando a sua arte. Já indicada ao Grammy Latino com o seu álbum de estreia, Vilela lançou a canção “Tanta Gente” em abril deste ano.

LIL NAS X

Lil Nas X (Reprodução: YouTube)

O rapper americano Lil Nas X, de 22 anos, é o grande destaque do cenário do hip-hop atual. O artista, que ganhou grande notoriedade após o lançamento polêmico do single “Old Town Road“, onde rádios country se recusavam a tocar a canção do jovem negro, viu sua vida se transformar quando uma forte campanha do público pedia para que sua canção fosse tocada nas estações. Rapidamente, “Old Town Road” se viu no topo da lista das músicas mais compradas por conta de seu apelo popular.

Com a fama em alta, Lil Nas X decidiu revelar a sua homossexualidade logo nos primeiros meses de carreira e, ao contrário do que todos imaginavam, sua fã base de admiradores cresceu ainda mais. O rapper conquistou em 2021, o #1 lugar nas paradas de todo o mundo com a canção “Montero (Call Be Your Name)”, e tem mais um grande hit, “Industry Baby” dominando todos os charts mundiais. Por ser um artista da comunidade LGBTQIA+, Nas X revelou recentemente sua dificuldade em conseguir participações de rappers negros consagrados em suas músicas, por conta da forte homofobia que persiste em fazer parte da cultura do gênero musical.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

G Store

MOLETOM PRIDE BRASIL

Comprar

SUNGA COLORS

Comprar

CAMISETA PRIDE HEART - LONG

Comprar

BONÉ PRIDE HEART

Comprar

MOCHILA PRIDE BRASIL

Comprar