Patrícia Souza será a primeira musa trans da Mangueira
Patrícia Souza será a primeira musa trans da Mangueira (Foto: Diego Mendes/Divulgação)

A Mangueira irá desfilar, este ano, com sua primeira musa trans na avenida. A carioca Patrícia Souza, de 25 anos, representará uma índia em uma das escolas mais tradicionais do Carnaval do Rio de Janeiro.

De acordo com o UOL, Patrícia afirmou estar trazendo um sonho para a realidade. “Desde que houve o convite, tenho vivido os dias mais felizes da minha vida. Ser musa da Mangueira é a realização de um grande sonho, uma grande conquista. Tenho recebido muito carinho e respeito da nação mangueirense, o que me deixa muito à vontade”.

Veja também:


Nego do Borel pede desculpas a Luisa Marilac após comentário transfóbico: “Tentando mudar”

Travesti que vive Jesus em peça desabafa sobre cancelamento da apresentação: “Censura”

Antes de começar o processo de transição de gênero, há cinco anos, Patrícia já participava dos desfiles da escola. Na época, a mangueirense já desfilava mesmo com aspectos do fenótipo masculino. A musa trabalha como cabeleireira profissional, e reside em Londres, no Reino Unido, há dois anos.

Em 2019, a Estação Primeira de Mangueira irá homenagear Marielle Franco em seu samba-enredo.