Bandeira trans
Bandeira trans (Foto: Reprodução/Internet)

A Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual da prefeitura do Rio (CEDS Rio) promoverá nesta quarta-feira (29), um conjunto de ações para celebrar o dia que marca o orgulho da Visibilidade Trans.

Para o Coordenador Especial da Diversidade Sexual, Nélio Georgini, faz parte das politicas públicas de desenvolvimento humano dar visibilidade para luta contra a transfobia.

“A parcela T da comunidade LGBT ainda é a mais marginalizada, às pessoas trans e travestis encontram inúmeras dificuldades de inserção, seja no mercado de trabalho, ou em espaços sociais de convivência. Ainda existe um olhar marginal contra transexuais, temos que lutar pela conscientização sobre a identidade de gênero”, afirma Georgini.


A ação, que acontece em conjunto com a Superintendência Regional do Centro, vai iluminar os Arcos da Lapa com as cores azul e rosa, que juntas fazem parte da bandeira trans.

Apresentação de artistas trans no Espaço Catete Cultural: Uma programação gratuita no Espaço Catete Cultural, em parceria com o coletivo Baphos Periféricos, apresentará artistas trans da cena LGBT com uma extensa agenda, entre os convidados estão; o DJ Âojo, DJ Karina Gama e Banda Ayê. O evento ocorrerá das 16h: 00 às 21h:00, dia 29, na Rua do Catete, Glória, 97.