Jair Bolsonaro (Foto: reprodução)
Jair Bolsonaro (Foto: reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro se envolveu em mais uma polêmica com a comunidade LGBTQ+ nesta segunda-feira (18). O governante postou um vídeo com uma fala considerada transfóbica de Olavo de Carvalho.

O vídeo se trada de uma “reportagem” realizada pela jornalista Fernanda Salles, onde ela discorre sobre o “politicamente correto”. Em um certo momento, o Olavo aparece falando sobre pessoas trans.

“Todo esse código politicamente correto, essa besteira toda, faz um mal desgraçado. Por quê? Porque você tem medo de ser punido pela violação e a partir da hora que você tem medo de dizer as coisa como você as vê, você reprime a sua visão”, diz ele.


Olavo completa: “Porque no século XX, agora XXI, todo mundo está sendo submetido a esse tipo de opressão. Se você vê um homem que diz que é mulher, você tem que dizer que ele é mulher, se não você pode ir para a cadeia. Como que é isso? Então eu estou vendo um rinoceronte e tenho que dizer que é uma galinha”.

Em outro momento do vídeo, a repórter afirma que a “teoria” do politicamente correto se trata de uma forma de se censurar pessoas de direitas e “diminuídos” a homofobia e machismo.