Benedetta Carlini de Vellano: A freira lésbica de 1600; Confira o trailer do filme

A escritora Judith C. Brown narrou sua vida no livro Atos impuros (1986), que discutiu os acontecimentos que levaram à sua inestimável importância

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Benedetta Carlini de Vellano, (1591-1661), foi uma freira católica mística e lésbica, que viveu na Itália na época da Contrarreforma. A escritora Judith C. Brown narrou sua vida no livro Atos impuros (1986), que discutiu os acontecimentos que levaram à sua inestimável importância arquivística para os historiadores da sexualidade feminina e, posteriormente, estudos sobre o sexo entre mulheres. Nós já reportamos uma matéria completa sobre ela em 2019.

Naquela época, crimes sodomíticos eram muitos graves e um atentado contra natureza divina. Desta vez, para trazer à tona esta história emblemática – Foi divulgado o trailer do novo filme do polêmico cineasta Paul Verhoeven, que retoma sua parceria com a atriz francesa Virginie Efira para ‘Benedetta’ (Blessed Virgin). A estreia acontece em 2021.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O livro Atos impuros: A vida de uma lésbica na Itália da Renascença, de Judith Brown, é uma história oriunda de uma pesquisa inquietante da historiadora norte-americana Judith C. Brown, publicado em 1987.

Suspense erótico, anteriormente conhecido como Blessed Virgin, é coestrelado por Virginie Efira e Charlotte Rampling.

O filme conta com um erotismo sumamente provocante e traz a tragicidade inquietante da história de Benedetta Carlini. Escrito por David Birke, colaborador de Verhoeven em Elle, Blessed Virgin é ambientado no século XVII e é uma adaptação direta de “Atos Impuros – A vida de uma freira lésbica na Itália da Renascença”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio