Artistas LGBT reafirmam voto em Fernando Haddad

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A poucas horas do país conhecer seu próximo Presidente, artistas LGBT ou simpatizantes da causa, reafirmaram seu voto em Fernando Haddad.

Através das redes sociais, Pabllo Vittar se manifestou, mais uma vez, e declarou voto no petista. Johnny Hooker fez uma apresentação-manifesto e postou o vídeo em sua conta na plataforma.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Aretuza Lovi postou foto de Haddad e legendou: “unidos venceremos”. Enigmática, Gloria Groove divulgou um vídeo falando sobre resistência. Daniela Mercury também se manifestou. Pitty compartilhou post repudiando o fascismo. Karol Conka também se posicionou a favor de Fernando Haddad.

https://twitter.com/Pitty/status/1056353669359300608

Leia mais:

26º edição do Mix Brasil terá participação de Linn da Quebrada e Johnny Hooker

Ator que interpreta Freddie Mercury se recusa a chamá-lo de “ícone gay”

Silvero Pereira replicou a campanha “vira voto” em prol do petista. Ícone da noite paulistana, Silvetty Montilla ressaltou a resistência das minorias sociais ao declarar voto no ex-prefeito de São Paulo.

Conhecida por estrear reality na TV e por ter como principal inspiração artística a cantora Lady Gaga, Penelopy Jean endossa a campanha de artistas LGBT pró-Haddad.

Nome conhecido da cena drag de São Paulo e mestre de cerimônias da Parada do Orgulho LGBT do estado, Tchaka compartilhou um textão explicando o por que de seu voto no petista. Lorelay Fox também se tornou adepta do “vira voto” pró-Haddad.

 

 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio