(Foto: Reprodução/Instagram)

Andressa Urach veio à tona para se desculpar com Thammy Miranda após usar o pronome pessoal ‘ela’ para se referir ao ator. Andressa, ex-modelo que se converteu ao evangelho há um tempo, é uma ávida defensora de preceitos tradicionais e costuma defendê-los ferozmente em suas aparições públicas.

Além do mais, em sua defesa, Andressa argumentou que conhece pouco do tema (pessoas trans) e, em decorrência disso, cometeu o equívoco.“Eu respeito o Thammy, até peço perdão para ele, por ter chamado ele de ela. É porque eu não tinha o hábito de falar sobre este assunto e eu vi alguns religiosos julgando, condenando e estas pessoas não me representam. Então até peço perdão por ter usado o pronome ela”, disse a ex-assistente de palco a Luciana Gimenez, no programa Superpop, da Rede TV.

Sobre o filho de Gretchen ser recebido na igreja evangélica, Urach destacou que a igreja abarca a todos, independentemente de orientação sexual. “De braços abertos. Na igreja, o que mais atendemos são pessoas com orientação sexual diferente, até porque a pessoa não escolheu ser assim. Então a gente tem que respeitar, se colocar no lugar e amar as pessoas”, finalizou.


A polêmica sobre Thammy estrelar a campanha da Natura ganhou vários desdobramentos. Além de Andressa Urach, o pastor Silas Malafaia também argumentou. O religioso endossou o boicote de seus fiéis à marca de cosméticos.