Ananda, do hit ‘Quero que Tu Vá’, diz: “Como bissexual, eu preciso falar de LGBTfobia”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A cantora Ananda, que fez um sucesso estrondoso com a canção “Quero que Tu Vá”, revelou, em entrevista, que, como bissexual assumida, ela tem a obrigação de falar sobre LGBTfobia e política.

“A partir do momento que temos a voz, é o nosso dever usá-la. Lutar pelo o que acreditamos. Como bissexual, eu preciso falar sobre a LGBTfobia, falar sobre todos os males que assombram a comunidade”, diz ela.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Como mulher, feminista, eu abraço as causas, porque são minhas. Como humana, cidadã de bem, eu preciso ser anti-racistas. Quem se omite diante de injustiças? Eu não”, complementa.

Desse modo, Ananda se prepara para novos trabalhos. O próximo single ‘Dalila’ será gravado no dia 25 de outubro. “É a minha primeira dançante. Meu “comeback” para a pista. ‘Quero que tu vá’ foi uma música swingada, porém recado. Já essa, você não consegue ouvir sem se mexer. ‘Dalila’ fala sobre poder. Desenha a personalidade de uma mulher forte, pronta para o combate, que pode ter cara de quieta e cumprir muito mais do que as que prometem muito e fazem questão de não passarem despercebidas. É sobre o barulho de uma mulher silenciosa”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio