Pabllo Vittar (Reprodução/Youtube)
Pabllo Vittar (Reprodução/Youtube)

Pabllo Vittar não gostou da comunicação usada pelo Serasa envolvendo uma questão bem pessoal do passado com a cantora Anitta. Em um anúncio no Instagram, o Serasa, insinua que Pabllo deve Anitta e que “tire seu nome do distema”.

A empresa que gerencia um banco de dados onde constam os nomes das pessoas e empresas que possuem inadimplência financeira foi noticiada pelos advogados de Pabllo Vittar que entraram na justiça para pedir indenização de R$ 120 mil.

Segundo o POP Line, na acusação, Pabllo adverte que a empresa insinua a suposta dívida que a drag queen deveria à Anitta. Na época da publicação, corria a polêmica de um áudio onde Anitta reclamava que teve que arcar com os custos do clipe de “Sua Cara”, parceria das duas com Major Lazer.


Post da propaganda do Serasa via Instagram

A história deu muito o que falar nas redes, mas ao que parece, as duas divas do pop nacional estão bem e já anunciaram um novo feat para 2021.

Embora na publicação não haja referência à cantora, o conteúdo teria associação direta – assim como ficou claro nos comentários.

“[Serasa] Está afirmando, de forma indireta e ardilosa, que o autor [Pabllo Vittar] está em dívida com a cantora. Ou seja: reforçando uma história mentirosa, queimando em praça pública o bom nome do autor, que por ser uma ‘drag queen’ já sofre toda sorte de preconceitos”, justificou o jurídico de Pabllo Vittar no processo.

“A ré [Serasa] deveria ter mais responsabilidade ao postar em suas redes sociais! Quem lida com crédito não pode fazer esse tipo de ‘brincadeira’!”, completou.