Primeiro âncora gay do JN, Matheus Ribeiro, pede demissão

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Apresentador Matheus Ribeiro, conhecido por ser o primeiro jornalista assumidamente gay a comandar o Jornal Nacional, pediu demissão da TV Anhanguera, afiliada da TV Globo em Goiás, nesta quarta-feira (8/4).

Segundo informações do colunista Leo Dias, Matheus pediu desligamento da emissora por não concordar com redução de seu salário devido à crise provocada pelo novo coronavírus e restrições impostas pela emissora.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O
apresentador, que era âncora do Jornal Anhanguera — 2ª edição há quatro anos,
seguia muito bem migrando para outros telejornais e chegou a fazer parte da
GloboNews.

Ainda
segundo Dias, o jornalista Luciano Cabral é o mais cotado para assumir o cargo
deixado por Matheus. Mas o comunicador está de quarentena, portanto Suelen
Reis, do Bom Dia Goiás, deverá apresentar o telejornal por enquanto.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio