O levantamento foi realizado pelo Departamento Penitenciário Nacional (Reprodução)
O levantamento foi realizado pelo Departamento Penitenciário Nacional (Reprodução)

Um levantamento realizado na última semana pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen), revelou que a população LGBTQ+ dos presídios brasileiros contam com cerca de 10.457 pessoas.

O estudo, que foi realizado no ano de 2019, mostra que os LGBTs representam 1,4% do total de presos no Brasil. Na pesquisa ainda foi identificado que bissexuais e lésbicas estão em maior número.

Aqueles que se denominam abertamente bissexuais são 3.487; as lésbicas são 3.165, respectivamente. Logo em seguida vem a população das Transexuais, que são 429 e gays, 2.821.


No último mês o assunto da população LGBT encarcerada tem se tornado destaque na mídia, após o ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos divulgar um relatório sobre o assunto.

O caso chamou atenção até mesmo do ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, que considerou a situação como algo dramático e que deve ser tratado com delicadeza pelos governantes.