IML Foto:reprodução

Mais um caso de preconceito no Brasil! Os números agora somam, na Zona Oeste de Boa Vista, no bairro Santa Luzia, o corpo de uma travesti assassinada, que ainda não foi identificado, em um terreno baldio.

Entretanto, segundo a Polícia Militar, o corpo foi encontrado por um marceneiro que alugou o terreno como ponto comercial. Ele, em depoimento disse que estava limpando o local quando encontrou o saco com a vítima.

Em resumo, além de estar no saco de estopa, o corpo tinha ferimentos de faca e sinais de estrangulamento, a faca do crime foi encontrado no local próxima a vítima assassinada.


De acordo com o portal G1, além da Polícia Militar, a perícia e o Instituto Médico Legal também foram acionados no caso, para a retirada do corpo. O caso está em investigação.