O presidente Jair Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro (Foto: Reprodução/TV Globo)

O presidente Bolsonaro voltou a falar sobre a chamada ‘ideologia de gênero’. Segundo a opinião do presidente, esse assunto já não deveria nem ser motivo de pauta, por ser irrelevante.

“Uma parte do eleitorado simpatizou comigo na pré-campanha e na campanha tendo em vista a educação. Eu não vi discussão sobre ideologia de gênero. Isso, no meu entender, não é mais para ser discutido lá. O pai quer que o filho seja homem, que a filha seja mulher. Coisa óbvia, né? Que respeite a cultura dos pais”, afirmou Bolsonaro em transmissão nas redes sociais ao lado do ministro da educação, Abraham Weintraub.

Recentemente, em uma outra live nas redes, recebeu um beijo do secretário da Pesca, Jorge Seif Jr. No registro, antes do ‘afago’ na bochecha, o secretário enfatizou que daria um ‘beijo hétero’ no presidente.


As críticas ao governo, mesmo que feitas de forma sutil, continuam suscitando discussões. Na novela Bom Sucesso, por exemplo, foi exibido um slogan com os dizeres: “Ninguém solta a mão de ninguém”, adotado por parte da oposição do presidente Jair Bolsonaro.