Ceds Rio Palestra LGBT
As palestras ocorreram nos dias 15, 16 e 17 de dezembro (Divulgação)

Em busca de melhorar o atendimento dos profissionais da área da saúde quanto ao atendimento à pessoas LGBTs, a Prefeitura da cidade do Rio de Janeiro promoveu uma série de palestras sobre o acolhimento por identidade de gênero e orientação sexual.

Organizado através da Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual da Prefeitura do Rio (CEDS-RIO), as palestras foram realizadas nos dias 12, 16 e 17 de dezembro, no Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). Cerca de 393 profissionais participaram do evento.

A CEDS Rio também promove regularmente palestras de sensibilização em diversas unidades de saúdes do município para promoção de igualdade e respeito às pessoas LGBTS.


Desse projeto, e reivindicações dos movimentos sociais, o protocolo eletrônico  com informações dos pacientes ganhou uma “aba”, em que  é possível inserir o Nome Social de uma pessoal trans ou travesti.

Entre os funcionários da CEDS Rio que ministraram o projeto no Instituto Nacional do Câncer I, participaram a lésbica Carol Caldas e os homens trans Glauco Vital e Erick Witzel. Além do Coordenador Especial da Diversidade Sexual do Rio, Nélio Georgini.

“Em um momento delicado de luta contra o câncer, o apoio da família, a força  emocional,  e o respeito à individualidade de cada pessoa, pode ser uma força  a mais para uma boa recuperação. Ser respeitado por sua orientação sexual ou gênero, é um acalanto em um espaço de tantos medos e incertezas, como um hospital de tratamento contra o câncer”, explica o Coordenador Especial da Diversidade Sexual, Nélio Georgini.