porta-dos-fundos-Netflix
Gregório Duvivier e Fábio Porchat (Reprodução)

O ator e escritor Gregório Duvivier decidiu se pronunciar sobre às críticas que o especial de Natal do Portas dos Fundos, que mostra um “Jesus gay”, tem recebido dos setores conservadores do Brasil.

Através de um artigo publicado nesta quarta-feira (11), no jornal Folha de São Paulo, “em nome de Jesus”, Gregório disse que têm coisas no Brasil que irritariam mais o filho de Deus do que piadas de humoristas.

“Ah, mas o Jesus deles é gay.” Gente, o humorista que quiser me irritar vai ter que se esforçar mais um pouquinho. Mas tem gente no Brasil que tá conseguindo. Desempregado pagando INSS? Vai tomar no cu. Desculpa meu aramaico”, escreve o ator, que interpreta o personagem de Jesus no filme.


Seguindo no mesmo tom irônico, o comediante comentou sobre as ameaças de processos que vem sofrendo, pela suposta “blasfêmia”. “No breve tempo em que estive na Terra, em algum momento, vocês me viram processando humorista? Acho que não. Olha que não faltava palhaço na Galileia”, escreveu.