Justiça
Justiça (Ilustrativa)

A efetividade continua, porém com algumas regras diferentes. O Governo do Acre resolveu fazer algumas alterações no que tange ao Conselho para combater LGBTfobia. A mudança foi feita através de decreto, publicado no Diário Oficial do Acre (DOE).

O que importa é o política, não o nome da secretaria. Por isso, fizemos essa alteração. As políticas que são importantes, tanto da área dos direitos humanos, da educação, segurança”, começa Francisca Brito, diretora de Política de Direitos Humanos da SEASDHM.

Então, mesmo que haja alguma alteração administrativa, não vai interferir. Essa é a mudança mais significativa, o resto só alteramos as nomenclaturas das secretarias antigas”, explicou ela ao G1.


É oportuno frisar que Conselhos são importantes para discussão de assuntos pertinentes à comunidade LGBT. Recentemente, o Sejusc do Amazonas sediou eleição para Conselho de Combate à Discriminação LGBT.