Ludmilla
Ludmilla (Reprodução/Instagram)

As polêmicas em torno da música Verdinha, de Ludmilla, não param de crescer. Agora a cantora foi denunciada na Polícia Federal, pelo deputado federal Cabo Junio Amaral (PSL-MG), por fazer apologia ao uso da maconha.

“O tempo de assistirmos sentados essas ofensas às nossas famílias calados, acabou! Apresentei moção de repúdio na Comissão de Segurança, notícia-crime junto a Polícia Federal e representei tb no Ministério Público Federal a cantora por essa “música” que faz apologia ao crime”, disse o parlamentar.

Ao saber do posicionamento do deputado, Ludmilla rebateu o comentário e disse que o Junior Amaral deveria se preocupar com questões mais relevantes para os brasileiros, do que com uma música que fala de “alface”.


“Milhões de brasileiros, desempregados, sem moradia, hospitais sem vagas, a violência predominante, poluição, a questão ambiental, a rede pública de educação miserável, mas o maior problema que o Brasil tem no momento é uma música que fala de alface. Brinca mais“, escreveu.

Vale destacar que na letra de Verdinha, Ludmilla em nenhum momento usa a palavra maconha, nem mesmo no clipe ou em fotos de divulgação. No entanto, no clipe a cantora chega a aparecer fumando um cigarrinho, em meio a plantação de alface.