Katya
Katya (FOTO: Reprodução/YouTube)

Caso não lembrem, Katya participou de duas edições de RuPaul’s Drag Race: a sétima temporada original e a segunda do spin-off All Stars (com competidoras retornantes). A lendária drag queen relembrou suas experiências no reality, convivência com as queens e com a polêmica RuPaul.

Tudo isso aconteceu durante a entrevista para o canal de Joseph Shepherd no YouTube. Katya, que já confidenciou problemas com ansiedade e um vício em drogas superado, resumiu sua participação como um dos piores momentos de sua vida. Sobre a sétima temporada, não leva lembrança tão boas das participantes.

Falando de Violet Chachki, que venceu a edição que participou, acusou: “Juro por Deus que ouvi Violet dizer: ‘Parece que precisamos de uma rainha com enchimentos’, ou algo do tipo. Ela jura que não, mas eu sei que sim. Foi terrível”. Também confessa a intenção de ter desistido: “Não estava preparada para ser julgada nesse nível”.


Pearl, finalista da mesma temporada, afirmou em 2018 que foi tentar agradecer RuPaul pela entrada no programa e ouviu o seguinte: “Nada do que você diz importa a menos que a câmera esteja ligada”.

Katya discretamente confirma o climão, mas assumiu uma postura mais amena: “Tive momentos piores, mas tenho bom senso o suficiente para não trazer Ru para a conversa. Eu estava lá naquele dia e me lembro muito bem da sensação. Eu vi a entrevista de Pearl e acredito que ela definiu bem: nunca conheça seus ídolos”.

Por fim, ainda citou que a sétima edição tinha excelentes drag queens, mas em questão de desafios foi mal aproveitada, criticando aqueles de atuação e sentindo falta de mais daqueles que exigiam design e moda.