Drag Queen baiana Spadina Banks participa de filme que mistura ritmos e representatividade
Drag Queen baiana Spadina Banks participa de filme que mistura ritmos e representatividade (Reprodução)

Sendo a diversidade uma marca registrada de Salvador, Bahia, a Prefeitura da cidade, por meio da Secretaria de Turismo e Cultura, lançou o filme Follow the Music. O projeto em questão mostra as muitas cidades que formam Salvador, com sua profusão de ritmos e suas múltiplas faces. 

Nesse sentido, conta com a participação de figuras bem representativas. Assim, Edilene Alves aparece no clipe dançando com a indumentária tradicional da Deusa do Ébano do Bloco Afro Ilê Aiyê, com amarrações da própria Dete Lima, estilista e uma das dirigentes que formaram o bloco. “Só Dete Lima pode fazer esta roupa, ela é toda de amarrações feitas no próprio corpo. Se vestir para dançar faz parte do ritual, é quando o que está internalizado sai, pois a dança é completamente afetiva, ela aflora a sua verdade”, conta.

Spadina Banks, uma das Drags mais badaladas da atualidade, faz parte de uma cena efervescente de Salvador que vem se destacando entre outras cidades do país. “Somos parte de uma geração de artistas muito politizados, que trabalham juntos pela valorização dos espaços de resistência. Transportamos este sentimento para os palcos, o discurso está em todas as apresentações”, explica Douglas Nassife, que se apresenta como Spadina Banks há quatro anos.


Além do mais, o projeto foi concebido pela Usina Digital, e realizado em parceria com a produtora Mandinga Filmes. Follow the Music  foi inspirado em um artigo publicado no New York Times (EUA) em julho de 2019 (“When in Brazil, Just Follow the Music”) que fala sobre a cidade e sua relação com a musicalidade, descrevendo-a como um lugar onde “o ritmo não te enganará”.

SERVIÇOS

Site: Salvadordabahia.com

Instagram: @visitsalvadordabahia

Facebook: @visitsalvadordabahia

Twitter: @visitsalvador

Spotify: Visit Salvador da Bahia