Diego Hypólito causa polêmica na web ao aparecer com Bolsonaro
Diego Hypólito causa polêmica na web ao aparecer com Bolsonaro (Reprodução/ instagram)

Altamente criticado nas redes sociais por aparecer em uma foto ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nesta quinta-feira (21), o ginasta Diego Hypólito se defendeu sobre o caso.

Conforme Diego, que é abertamente gay, ele não é uma pessoa “da esquerda nem da direita”. O posicionamento veio logo após ele ter se tornado um dos assuntos mais comentados na manhã desta quinta.

“Eu não sou da esquerda nem da direita. Eu sou de Deus! Sou cheio de erros e defeitos e estou muito preocupado com o esporte no Brasil! Quero poder ajudar pessoas, eu em minha vida serei muito julgado e sei”, comentou Diego em resposta a um seguidor.


“Mas devemos viver e tentar ajudar mais pessoas, no esporte foi muito complicado e quero de alguma forma ajudar os outros atletas! Não sou dono de nenhuma verdade! Ele [Bolsonaro] me chamou para conversar e eu só vim. É certo, é errado? Não sei, sou um eterno aprendiz!”, completou o namorado de Marcus Duarte.

A foto na qual Diego aparece ao lado do presidente e sua esposa aconteceu logo após uma pequena reunião entre eles e o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães. Diego e sua irmã, Daniele Hypólito, são patrocinados pela Caixa.

Confira o texto completo:

“Eu não sou da esquerda e nem de direita. Eu sou de Deus! Sou cheio de erros e defeitos e estou muito preocupado com o esporte no Brasil! Quero poder ajudar pessoas, eu em minha vida serei muito julgado e sei. Mas devemos viver e tentar ajudar mais pessoas, no esporte foi muito complicado e quero de alguma forma ajudar os outros atletas! Não sou dono de nenhuma verdade! Ele [Bolsonaro] me chamou para conversar e eu só vim. É certo, é errado? Não sei, sou um eterno aprendiz! Respeito tudo e qualquer pessoa achar ou pensar! Mas devo querer ajudar mais pessoas! Eu não mudei em nada só porque tirei foto com o presidente, com a Michelle [Bolsonaro], etc. Quero salvar vidas e ter cada vez mais amor pelas pessoas. Com o ódio devemos combater com o amor e respeito! Só lembre que não sou melhor que ninguém, só me tornei público e por isso serei sempre julgado fazendo o certo ou errado. Pedi ajuda ao esporte para presidente!”.